Menopausa – Trate com uma Decocção Poderosa de Folha de Amora

Tempo de leitura: 7 minutos

Você já deve ter ouvido falar muito do chá de folhas de amora? Esta espécie maravilhosa vem conquistando cada vez mais pessoas, principalmente pela sua grande capacidade de regular a temperatura corporal, ajudando a tratar febres e diminuindo os sintomas da menopausa. Suas várias propriedades medicinais estão sendo cada vez mais comprovadas pela ciência moderna. As folhas da Amora também podem ajudar a regular a pressão arterial em homens e mulheres de natureza mais calorenta também.

Conheça os benefícios da Decocção da Folha de Amora:

Bom, antes deixa eu explicar para você o que é uma decocção. Na medicina tradicional chinesa, existem 2 formas básicas para se preparar um chá: a primeira é a infusão. Na infusão não ocorre um grande compromisso em tratar uma doença. Tudo que você deseja com ela é apreciar determinado chá. Mas não há um rigor na dose, nem na posologia, ou seja, você poderá tomar apenas 1 xícara ao dia e pronto. Ou então tomar apenas 1 xícara de infusão de determinada planta no lanche da tarde. A infusão é portanto uma maneira de se tomar um chá, com características no máximo, preventiva de alguma doença. Mas não espere dela uma grande capacidade para resolver determinado problema de saúde. E isto tem sido um grande entrave para o pleno desenvolvimento da Fitoterapia, principalmente no Brasil, onde a maioria daqueles profissionais que se aventuram a ensinar sobre plantas medicinais, defendem equivocadamente o uso da infusão, quando na verdade, a decocção seria o modo de preparo mais indicado, tendo em vista que nossa população confia cada vez mais nas plantas medicinais para tratar as mais diferentes enfermidades. E muitas vezes não encontram bons resultados com as plantas medicinais, devido ao fato de terem usado a infusão. Quando deveriam usar a decocção.

E afinal de contas, o que vem a ser a tal Decocção?

Decocção é o “cozimento prolongado em fogo baixo de qualquer substância medicinal”. Produz resultados rápidos e poderosos. Quando se respeita as dosagens recomendadas em livros antigos. A China possui os livros mais antigos sobre dosagens verdadeiramente medicinais das ervas. E todo grande praticamente de Fitoterapia deveria consultá-los antes de propagar opiniões, principalmente na internet. Onde vemos hoje uma grande quantidade de receitas naturais que não servem para absolutamente nada.

Venho acompanhando ao longo dos últimos 2 anos, diversas postagens de receitas de chás na internet, no facebook e instagram, que qualquer profissional com bagagem clínica consegue perceber o absurdo e a ineficiência da receita. Por isso, vai aqui um alerta para você que lê este post. Antes de compartilhar qualquer receita natural que você leu aqui e ali na internet, procure saber quem assina o post. O autor é um profissional de saúde? Qual a bagagem clínica dele? Ele é experiente no assunto? Ou está atrás apenas de popularizar um site sobre receitas? Boa intenção na área da saúde não basta. E plantas medicinais também produzem efeitos colaterais.

Agora que apresentei a você o conceito de infusão e de decocção, quero falar para você sobre a decocção das folhas de Amora. Ela é muito benéfica a mulher em diversos momentos de sua vida: pode amenizar as cólicas menstruais, e adiante reduzir os calores da menopausa. Pode ajudar a regularizar a pressão arterial, pode acalmar o excesso de nervosismo, pode drenar líquidos, ajudando no processo de emagrecimento. Pode ainda retardar o envelhecimento dos olhos (reduzindo vermelhidão e coceira). Além de retardar também o envelhecimento do organismo (por ser rica em antioxidantes) e ajudar no fortalecimento de unhas e cabelos.

Receita de decocção de folhas de Amora:

fernando_braga_folhas_de_amora

A decocção possui um efeito muito poderoso, podendo trazer benefícios reais em poucas horas após o uso. Para fazê-la, basta seguir o passo a passo abaixo:

  1. Em uma panela de ferro, de vidro ou de aço (nunca de alumínio), coloque uma colher de sopa cheia de folha de Amora;
  2. Acrescente um litro de água, ligue o fogo, espere abrir fervura. Após abrir fervura, abaixo o fogo e conte 20 minutos de cozimento (em fogo baixo), mantendo a panela com tampa;
  3. Desligue o fogo baixo após 20 minutos, espere esfriar mantendo a tampa;
  4. Quando estiver morno, coe em coador de pano e reserve numa garrafa de vidro, dentro da geladeira;
  5. Tome 200ml após o café da manhã, 200ml 1 hora após o almoço e 200ml ao escurecer (sem adoçar);
  6. A sobra desta decocção, você poderá tomar no dia seguinte (se guardada num recipiente de vidro (com tampa) na geladeira);
  7. Repita este processo nestas dosagens pelos primeiros 15 dias. A partir do décimo sexto dia, comece a usar apenas uma dose de 200ml no café da manhã e outra dose de 200ml no almoço. Até completar 30 dias. Depois dos 30 dias, você pode descansar por um mês. Ou manter apenas a dose de 200ml após o café da manhã. Eu gosto sempre de pedir aos meus pacientes que procurem estar sempre usando a Amora nos 6 meses quentes do ano, caso elas estejam passando pela menopausa. Caso estejam apenas previnindo doenças, recomendo usar um mês sim, outro mês não. E você poderá manter desta forma, o uso da folha de Amora pela primavera e verão inteiro. Devendo parar o uso no outono e inverno.

Mas Atenção: se você vem usando a Folha de Amora há mais de 30 dias (principalmente da forma que ensino aqui neste post) e ainda não percebeu melhoras significativas, é indício que seu organismo precisa ser tratado de forma mais ampla. Vários fatores poderão estar contribuindo para a pouca melhora segundo a medicina tradicional chinesa:

  • Quanto mais sangue a mulher perdeu ao longo da vida (pela menstruação longa (mais de 5 dias) e/ou muito volumosa) pior será sua fase da menopausa; e mais anemia apresentará neste período (e esta anemia muitas vezes não aparece no Hemograma – mas a medicina chinesa tem recursos de diagnóstico para identificá-la);
  • Quanto mais problemas emocionais crônicos (depressão de longa data, ansiedade descontrolada ao longo da vida…) maior será a demanda por um tratamento sistêmico;
  • Quanto mais problemas ginecológicos (TPM, endometriose, ovário policístico, miomas…) ao longo da vida, maior será a necessidade de um cuidado abrangente nesta fase da vida;

Por isso vale a pena você fazer uma avaliação com um Fitoterapeuta de Ponta para que ele possa montar uma estratégia de tratamento e de fortalecimento por meio da Fitoterapia. Se este for o seu caso, clique aqui e agende agora mesmo uma avaliação de Fitoterapia via Skype.

E se você é ou está a caminho de se tornar um(a) profissional de saúde, e deseja aprender a tratar a menopausa a fundo com os recursos da Fitoterapia, aprendendo a montar fórmulas com sinergias poderosas entre a Folha de Amora, Cálcio de Ostras, Hibiscus e outras substâncias naturais muito poderosas, aconselho você a clicar no botão abaixo e conhecer o meu curso online sobre Menopausa. Neste curso eu compartilho meus 15 anos de experiência no tratamento da Menopausa com substâncias naturais! Você se tornará uma referência no tratamento da Menopausa por meio de recursos naturais!

fernando_braga_saber_mais

Um forte abraço!

Professor Fernando Braga

 

 

6 Comentários


  1. Olá. Tenho amoreira no quintal. Posso usar as folhas frescas? Quantas folhas para 1 litro de água? Obrigada

    Responder

    1. Olá Fernanda! Acho melhor você não contar pelas folhas. Pega algumas folhas, pica em pedaços bem pequenos. E enche 1 colher de sopa bem cheia. A medida da colher de sopa é a que eu ensino para quem deseja usar a decocção de folhas de Amora ok! Um abraço!

      Responder

  2. Prof. Fernando bom dia!

    Por favor gostaria muito que o Sr. pudesse me tirar uma dúvida.
    Estou na menopausa e os calores começaram a me perturbar, já tomei chá de amora, achei que me ajudou, mas como descobri um calculo na vesícula, parei com medo. A amora é um repositor hormonal ? Pode acarretar mais calculos ou fazer mal a vesícula? Qual sua opinião? Desde já muito obrigada!
    Atenciosamente,
    Lis

    Responder

    1. Bom dia Elisa! A Amora não interfere nos Cálculos da Vesícula Biliar. Ela não é um repositor hormonal como muitos pensam. O que ela produz é um efeito termoregulador através de um reequilíbrio mineral mínimo do organismo. Quanto a Vesícula aqui no blog tem a sugestão de um tratamento. Vale a pena você tentar. E caso o seu problema envolva outras queixas, tornando mais complexa as suas necessidades, agende uma avaliação de Fitoterapia comigo por skype no (31) 99358-0181. Um abração!

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *